Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

minhas notas

31 de Maio - festa de pentecostes

30.05.09 | minhasnotas

Na tarde daquele dia, o primeiro da semana, estando fechadas as portas da casa onde os discípulos se encontravam, com medo dos judeus, veio Jesus, apresentou- Se no meio deles e disse-lhes: «A paz esteja convosco». Dito isto, mostrou-lhes as mãos e o lado. Os discípulos ficaram cheios de alegria ao verem o Senhor. Jesus disse-lhes de novo: «A paz esteja convosco. Assim como o Pai Me enviou, também Eu vos envio a vós». Dito isto, soprou sobre eles e disse-lhes: «Recebei o Espírito Santo: àqueles a quem perdoardes os pecados ser-lhes-ão perdoados; e àqueles a quem os retiverdes ser-lhes-ão retidos».

 

O Pentecostes é a festa do Espírito Santo. O Cristianismo, a fé em Cristo, é uma religião que dá valor ao espírito, de certeza, mas não é espiritualista, desencarnada, inumana. É uma religião humanista, que abre o homem à transcendência, ao Espírito e a Deus. Um dos maiores problemas do nosso tempo é a falta de espírito. Há, actualmente, um excesso de matéria nas suas diversas formas: corporalidade e sexo, produtividade e consumismo. Como consequência é notório um vazio existencial. Há uma infelicidade comum que paira no ar. As pessoas sentem-se vazias, intimamente insatisfeitas, por viverem uma vida sem sentido e incapaz de encher de felicidade. Falta espírito e razões para viver, trabalhar e amar os outros, em suma, falta transcendência para a existência de pessoas limitadas que somos. O homem torna-se humano na medida em que se abre a Deus e aos outros. Sob a acção do Espírito santo encontra-se, reconcilia-se com Deus e consigo mesmo, e abre-se à comunhão gozosa com Ele e com os outros como irmãos.

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.